Por Vanessa Vicente: comer é tudo de bom!

Apesar de viver de dieta é claro que, assim como você, eu “aaaamo” comer, afinal de contas, comer é sim tudo de bom!

Mas eu penso o seguinte, apesar das “comidas gordas” serem maravilhosas, elas proporcionam um prazer rápido demais e, se você não for um abençoado pela genética como eu não sou, sofre consequências muito duras por entregar-se a estes “prazeres efêmeros”!

Por conta disso, eu prefiro (ou me obrigo em algumas vezes) optar por algo mais light no meu dia a dia. E quando você se dedica percebe que não tem preço o  prazer de quando, finalmente, entra em uma calça 38 , ou quando aquela blusa justinha fica legal e, claro, quando você sente-se totalmente a vontade na praia de biquíni. Aí a gente vê que tudo valeu a pena!

Mas vamos lá, comer light não precisa ser chato! Podemos fazer com que nossas refeições leves sejam comidinhas saborosas e bonitas sim! Eu e o Ale costumamos fazer muito isso! Elaboramos e montamos nossos pratos de forma criativa , fazendo com que até um frango com salada seja bonito e saboroso. Contarei mais sobre isso em outros posts!

Bom, mas falando em alimentação saudável e saborosa, não poderia deixar de convidar minha amiga baphonica Vanessa para fazer este primeiro post gastronômico.

A Vanessa trabalha comigo, se tornou uma grande amiga e, para a minha sorte, ela vive de dieta, assim como eu! 🙂

A propósito, você sabe que tem sintonia com uma amiga, quando acontece algo assim! Olha como fomos trabalhar um dia desses…

eu_Van-1

Então vamos para as dicas e receitinhas desta expert no assunto:

Tenho certeza que todo mundo concorda comigo, comer é tudo de bom! Mas também é verdade que este ato deixou de ser algo trivial.  Agora todo mundo quer comer rápido, gostoso e saudável. Não é a toa que explodem lugarzinhos com toque gourmet, food trucks, e “blogs and IGs” adeptos do frango com batata doce.

Para colaborar com possíveis quebras de paradigma, daqueles que colocam qualquer empecilho para não encostar a barriga no fogão, vou dividir 3 receitinhas super práticas, que aprendi por aí ou fui testando até dar certo. Elas servem para quem está de dieta, para quem quer comer bem e para quem tem preguiça de cozinhar.  Ou seja, quase todo mundo se encaixa em algum desses casos!

Wrap ou Panqueca de linhaça

Receita low carb, que pode ser doce ou salgada, dependendo de pequena adaptação.

Ingredientes para a Base (unidade):

  • 1 ovo
  • 1 colher de sopa de água (leite também pode…)
  • 1 colher de sopa de farinha de linhaça

Aí vem o truque! Se for salgada, 1 pitada de sal; se for doce você não coloca nada caso o recheio seja adoçado. Ou ainda, um pouquinho de stevia em pó.

Daí é só bater tudo com um garfo e levar a uma frigideira antiaderente. Vale ressaltar que o segredo para uma massa fininha e bonita é a frigideira. É importante ter uma de boa qualidade e que seja usada só pra isso, se for boa mesmo, não precisa nem untar!

Outra coisa legal dessa massinha é que dá para incrementar! Você pode acrescentar temperos como Mr. Dash (se você nunca ouviu falar, procura que é bapho!) alho triturado, manjericão ou salsinha picados, enfim, o que couber na sua receita!

Essa receita pode virar uma panqueca com recheio de frango desfiado ou carne moída do seu jeito, ricota com espinafre refogado, ou ainda, se você quiser no estilo wrap, vale investir em cogumelos salteados no ghee (manteiga clarificada, que é mais saudável) ou frango em pedaços refogados em azeite, pimenta do reino e sal. Depois de douradinho, acrescentar mostarda e mel a gosto (sem exagero!) deixando por uns 10 minutinhos em fogo baixo para caramelizar.

#dicabapho

Qualquer uma dessas opções com salada é um jantar bem bacana.

Para as versões doces, frutas são boas opções: banana com canela, pêssego em calda diet…

No café da manhã, gosto com iogurte grego por cima, salpicado de gojiberrys..

Omelete de Banana

Essa é fruto dos meus testes…rs. Adoro agridoce e banana na comida é uma daquelas coisas que sempre fez parte da minha vida. Me inspirei nos sanduiches de banana que vendem por aí e que seria minha versão sem carbo. É diferente, mas lembra vai…se é que me entendem!

Ingredientes:

  • 1 banana nanica
  • 2 claras e 1 gema; ou 2 ovos inteiros – depende de suas restrições
  • Muçarela de Búfala
  • Requeijão Zero ou não
  • Ghee (manteiga clarificada)
  • Temperos

Meu jeito de fazer: “dourar” a banana picada com Ghee em uma frigideira. Depois disso, acrescentar o correspondente a 2 fatias de muçarela de búfala picadas e em seguida, os ovos batidos com temperos Mr. Dash. Feche a tampa uns minutinhos e quando quase pronto, finalize com 1 colher de requeijão zero e salsinha. Feche novamente por alguns instantes e depois, coma bem!

E agora, por último mas não menos importante, aí vai uma dica de sobremesa!

Como a proposta aqui leva em conta a praticidade como quesito importante, vou dividir com vocês a receita mais prática do Universo para uma sobremesa refrescante, fácil e acreditem, saudável!

Sorvete de Banana

Ingredientes:

  • Bananas nanicas

Só! 😛

Descasque as bananas, corte em pedaços e congele. Congelou? Pegue tudo e coloque no processador de alimentos. Você vai bater e a banana congelada vai virar um creme docinho, como sorvete. Quer incrementar? Acrescente cacau em pó para um sorvete de chocolate ou em lascas para um tipo flocos; outras frutas como morango ou amoras – delicia! Se quiser que fique mais consistente, depois de bater, devolva ao freezer por mais algumas horas.

Outra dica: manga é outra fruta que congelada vira sobremesa. Essa, do tipo sorbet!

Bom, e é isso! Essas receitas fazem parte do meu dia-a-dia e me ajudam a manter o equilíbrio na alimentação, além de facilitarem muito nos dias em que a vontade de cozinhar é menor zero! Espero que gostem e até a próxima!

COMENTÁRIOS

Leave a Comment